Como escolher um host – o que é SSD?

Drive SSD

Mais um dos aspetos mais importantes em planos de hosting e alojamento, e ainda assim não há informações por aí. O tal SSD é um recurso que muitos provedores de alojamento não oferecem, enquanto que outros vendem como ouro. Nenhum deles, contudo, explica o básico – o que é SSD?

Em primeiro lugar, é preciso saber que SSD tem a ver com o armazenamento de dados. Como se sabe, os ficheiros de um site permanecem em um servidor nalgum lugar, e ali são armazenados em um HD. O SSD tem a ver com a tecnologia envolvida nesse armazenamento.



O que é SSD?

SSD é a abreviação para “Solid-state Drive”. Em suma, trata-se de um dispositivo de armazenamento similar ao tradicional HD. No entanto, possui “estado sólido”. Em outras palavras, ao contrário de discos com tecnologia HDD ou leitores de CD e DVD, o drive SSD não possui partes móveis. Todo o armazenamento é efetuado em memórias flash, as mesmas com as quais são constituídos pendrives, flashdrives e memórias internas de computadores e portáteis.

Drive SSD

Drive SSD – similaridade com placas de circuito e placas de memória que integram os computadores. Sem partes móveis, gasto de energia é menor e velocidade consideravelmente maior.

Como não possuem partes móveis, não dependem das mesmas para aceder aos dados ou ficheiros neles contidos. Com isso, sua velocidade é consideravelmente superior. Sem partes móveis, reduz-se também o consumo de energia, a possibilidade de defeitos em partes mecânicas e a resistência à temperatura. Quando utilizados em servidores para armazenamento de websites e aplicações da web, podem elevar em até 10 ou 20 vezes a velocidade de resposta e carregamento a partir do servidor.

Embora a velocidade de um website dependa de outros fatores, o armazenamento SSD resolve a maior parte dos problemas de lentidão de resposta junto ao alojamento. Problemas com a velocidade de conexão da internet ou computadores de usuários ainda existem, mas o serviço dos ficheiros a partir do host melhora absurdos.

Contudo, a maior velocidade e também o maior custo desses dispositivos em relação aos convencionais faz com que muitos serviços de hosting cobrem preços bem mais elevados para planos que incluem SSD storage. Algumas empresas e clientes tendem, assim, a fugir da tecnologia, mesmo quando não sabem o que é SSD.

Tecnologia sem volta

Mecanismos de busca como o Google e o Bing atualmente levam em conta a velocidade de carregamento e de resposta do servidor para fins de SEO e posicionamento de websites. A competência do serviço para o usuário é parte do negócio de marketing online e isso deve ser ainda mais evidente em alguns anos. Para contribuir mais com esse fato, aplicações e sites, em razão de seus recursos técnicos e gráficos, deverão tornar-se mais “pesados” – o que faz com que o SSD seja uma tecnologia ainda mais vital.

Muitos serviços de hosting já estão a modernizar seus parques de computadores. Outros seguem com máquinas antigas, e cobram pequenas fortunas pelo pouco espaço em SSD que oferecem. A dica aqui é simples: somente contrate alojamento que oferece armazenamento em SSD. O caminho da tecnologia não tem volta e quem fica para trás paga rapidamente o alto preço da obsolescência.